DANOLOSA

Betão poroso brames base poliestireno extrudido usinagem.
Variações de produtos:
Poupança de energia
ETE 18/ 0328 ETE 18/ 0328
DANOLOSA Cinza 95 é uma lajeta isolante constituída por um pavimento de betão poroso, que actua como protecção mecânica de uma base isolante de poliestireno extrudido, resultando numa superficie transitável resistente e isolada termicamente.

Aplicação

  • Coberturas técnicas em suportes (apoios).
  • Laje filtrante e isolante para coberturas transitáveis.
  • Corredores técnicos nas coberturas não transitáveis com acabamento em cascalho.
  • Reabilitação e transformação das coberturas não transitáveis.
  • Superfície de apoio dos equipamentos nas coberturas não transitáveis e instalações em geral.

Vantagens e benefícios

  • Aliviam o peso da cobertura em comparação com outros tipos de proteções pesadas.
  • Alta resistência à compressão, permite o trânsito de pessoas.
  • Adiciona à cobertura isolamento térmico e pavimento transitável.
  • Elevada capacidade de filtragem, permite a instalação e o trânsito em condições climáticas adversas.
  • Não precisa de juntas de pavimentação graças à “redução” de 1-2 mm da camada de concreto poroso em relação à base isolante XPS.
  • Permite a colocação de bancadas e suportes para colocar equipamentos e instalações.
  • Protege a impermeabilização.
  • Pode ser desmontado para facilitar o acesso à impermeabilização.
  • Instalação simples.

Modo de Aplicação

Preparação do suporte:
Uma vez realizada a impermeabilização, a superfície deverá estar lisa, uniforme, limpa, e isenta de corpos estranhos.
    Colocação da LAJETA FILTRANTE:
  • É colocada em obra sem qualquer massa de assentamento, apoiando-a preferencialmente sobre uma capa separadora antipunçoante geotêxtil que cobre a impermeabilização ou directamente sobre a mesma, apoiando a capa isolante.
  • As lajetas encostam simplesmente umas às outras, sem juntas de dilatação.
  • Em zonas oblíquas ou nos encontros com elementos emergentes, as lajetas deverão ser cortadas em conformidade com um disco de baixas rotações.
  • Nos encontros com clarabóias, chaminés, etc., deverá deixar-se um pequeno espaço (3
  • 5 mm) para permitir eventuais dilatações.

Indicações e Recomendações Importantes

  • É necessário colocar uma camada separadora tipo DANOFELT® PY 300 entre a impermeabilização de PVC e a telha.
  • Não é necessário preencher as juntas.
  • Não utilizar martelo para ajustar ou nivelar as peças.
  • A sua utilização em suportes (apoios) deve restringir-se a suportes de cabeça quadrada com 200 mm no mínimo.
  • Utilizar para o corte do betão uma máquina de disco de baixas rotações tipo DU-200-L, refrigerada a água ou similar.
  • O surgimento de eflorescências portlantitas em betão poroso, caracterizadas por mudar a cor da lajeta, não significa a deminuição das suas caractericticas técnicas.
  • Devido a variações de tonalidade nos matérias do betão poroso, também podem ocorrer variações na tonalidade entre lajetas da mesma cor.

Manuseamento, armazenamento e conservação

  • As máquinas de corte devem ser instaladas num local ventilado.
  • Manter afastado das chamas e fontes de calor.
  • Ficarem em locais ventilados, de preferência em locais equipados com sistemas de combate a incêndio, pois pode liberar vestígios de etanol do processo produtivo.
  • Mercadoria não considerada perigosa.
  • Deve ser transportado em paletes.

Aviso

  • As informações contidas neste documento e qualquer outro conselho dado são fornecidos de boa fé, tendo por base o conhecimento e experiência dos produtos da DANOSA sempre e quando sejam devidamente armazenados, tratados e aplicados, em situações normais e de acordo com as recomendações da DANOSA. A informação aplica-se unicamente ao (s) campo (s) de aplicação e ao (s) produto (s) expressamente identificados. No caso de alterações nos parâmetros ou pressupostos relativos à aplicação, ou no caso de um campo de aplicação diferente ao identificado, consulte o Departamento Técnico da DANOSA antes de usar os produtos DANOSA. As informações aqui contidas não liberam a responsabilidade dos agentes de construção de testar os produtos para a aplicação e uso previsto, bem como da sua correta aplicação de acordo com a regulamentação legal vigente. As imagens dos produtos utilizadas em nossas comunicações são indicativas e podem diferir ligeiramente na cor e na aparência estética em relação ao produto final.As encomendas serão aceitas de acordo com os termos das nossas Condições gerais de venda.A DANOSA reserva-se ao direito de modificar, sem aviso prévio, os dados refletidos nesta documentação.Website: www.danosa.com E-mail: info@danosa.com Telephone: +34 949 88 82 10

Apresentação

  • Comprimento (cm): 50
  • Largura (cm): 50
  • Cor: Cinzento
  • Espessura (mm): 95
  • Classe logistica: (B) Produtos em stock, disponiveis num prazo inferior a 3 dias
  • Código de produto: 711021
DANOLOSA

Dados técnicos

Conceito Valor Norma
Resistência à compressão do betão 28 dias (carga concentrada sobre Ø 20 cm) (kN) >30 -
Flexão Resistência à Tração (kN) >3,5 -
Comportamento de compressão de 25% (≥ MPa) 0.31 UNE-EN 1339
Comportamento de compressão a 5% 0.3 UNE-EN 1339
Comportamento do fogo externo Broof(t1) UNE-EN 1339
Ponto de força de carga 250 N Sin defectos DIT 550/10; DIT 551/10
Resistência à compressão (kPa) 300 -

Dados Técnicos Adicionais

Conceito Valor Norma
Absorção de água por difusão 50 % (%) <3 -
Absorção de água por difusão 60 % (%) <2,7 -
Absorção de água por difusão 80 % (%) <1,5 -
Absorção de água por imersão (%) ≤ 1,5 -
Quebrando a carga de betão 1,3 -
Condutividade térmica XPS 0.034 EN 12667 - EN 12939
Deformação sob carga de 40 KPa (%) < 5 -
Densidade de isolamento 35 EN 1602
Dimensões do betão (mm) 495 x 495 (±1) UNE-EN 1339
Dimensões XPS (mm) 500 x 500 (±2) -
Espessura de isolamento (mm) 60 (±1) -
Espessura do betão (mm) 33(+/- 3) UNE-EN 1339
Estabilidade Dimensional XPS ≤ 5 -
Massa (kg) 15 -
Reação do isolamento ao fogo (Euroclasse) E UNE-EN 13501-1
Reação ao fogo do betão (Euroclasse) A -
Resistência à compressão do betão 3 dias (MPa) 9.4 -
Resistência à compressão do betão 21 dias (≥ MPa) 11.6 11.6
Resistência à compressão do betão 28 dias (MPa) 12.5 UNE-EN 12390-3: 2009
Resistência à flexão do betão (MPa) 13 UNE-EN 1339

Informação ambiental

Conceito Valor Norma
Local de fabrico Fontanar - Guadalajara (España) -

Normas e Certificação

  • DIT "ESTERDAN PENDENTE ZERO" nº 550R/16.
  • DIT "DANOPOL PENDENTE ZERO" nº 550R/20.
  • Material contemplado no CTE e CEC.
Olá! Precida de ajuda?
Agende uma reunião connosco 😉
Scroll to Top